In-Company
Artigos de Interesse
Bancos Associados
Capacitação
   Profissional

    Cursos Ativos
    In-Company
Como Associar-se
Diretoria

Estratégia Nacional de
   Educação Financeira

Eventos
Finalidade e Objetivos
Forma de Atuação
Links de Interesse
Programa de Inclusão de
   Pessoas com Deficiência
Reuniões e Comitês
Trabalhos especiais



S&P Capital IQ
“Desenvolvendo Uma Lógica De Crédito Corporativo”




Duração: 16 horas.

OBJETIVO:

Este curso ajudará os participantes a:
    • Avaliar os vários aspectos dos fundamentos da análise de crédito para uma entidade corporativa;
    • Explicar a visão de mercado de risco de crédito;
    • Incorporar todos os itens acima no desenvolvimento de uma sólida argumentação de crédito;


PÚBLICO ALVO:

Este curso foi projetado para analistas de nível inicial a intermediário, gerentes de risco de crédito e outros profissionais do mercado financeiro que desejem aprimorar seu conhecimento de análise de risco de crédito e profissionais experientes que tenham tido exposição limitada à análise de crédito tradicional.


PRÉ-REQUISITOS:

Conhecimento básico de análises e contabilidade financeira e de negócios.


METODOLOGIA:

O curso será uma combinação de palestras, exercícios individuais e em grupo e discussão em grupo. Um estudo de caso será usado durante todo o curso para destacar pontos específicos de aprendizado. Os produtos da S&P Capital IQ serão discutidos quando apropriado.

Este curso não ensina os critérios ou metodologias de ratings da Standard & Poor’s Ratings Services. Os instrutores são consultores independentes selecionados pela FK Partners, nossa empresa parceira de treinamento, e ministram cursos em nome da S&P Capital IQ. No entanto, seus pontos de vista não refletem, necessariamente, os pontos de vista da S&P Capital IQ.


INSTRUTOR:

Prof. Ricardo Cruz

   • Mais de 30 anos de experiência nas áreas empresarial e financeira;
   • Experiência de trabalho no Citibank SA, Planibanc SA e Chubb Brazil;
   • Ministra aulas sobre mercado financeiro, operações de mercado, crédito, renda fixa, derivativos, mercado de capitais e sistema financeiro;
   • Leciona aulas nas empresas S&P Capital iQ, FK Partners, Bovespa, Ancor, Anbima, BM&F, Profins Business School;
   • Graduado pela Universidade de Sao Paulo (FEA) – 1991.





CONTEÚDO PROGRAMÁTICO


• Sessão 1: Visão Geral de Crédito e Análise de Crédito
A sessão de abertura discute as características e a importância da análise de crédito. Os participantes serão expostos aos diferentes tipos de riscos de crédito e à natureza cíclica do crédito.

   o Discutir quem usa análise de crédito e o porquê;
   o Definir os tipos de risco que uma corporação enfrenta incluindo;
   o Risco operacional (de negócios), risco de crédito e risco de mercado;
   o Explicar a importância de entender o ciclo do crédito;
   o Revisar os principais conceitos de crédito de probabilidade de inadimplemento, gravidade e exposição no inadimplemento;
   o Compreender o papel das agências de ratings de crédito;
   o Discutir as implicações de rebaixamentos e elevações de ratings.


• Sessão 2: Abordagem Abrangente da Análise de Crédito
A segunda sessão destaca a importância de usar uma visão macro e como os fatores macroeconômicos afetam as empresas. A classe aprenderá como conduzir análises setoriais e de competitividade por meio do uso de ferramentas analíticas chave e no final desta sessão.

   o Realizar uma análise abrangente do ambiente de negócios;
   o Discutir o impacto das condições macroeconômicas sobre a situação financeira e desempenho das empresas;
   o Compreender a importância da análise setorial e de competitividade em um perfil de crédito de uma corporação;
   o Como o Modelo Porter, análise SWOT e análise PEST podem ajudar o analista;
   o Avaliar a eficácia da administração por meio destas principais técnicas analíticas;
   o Exercício: Análise SWOT da TAM.


• Sessão 3: Análise de Demonstrações Financeiras
Nesta terceira sessão, os participantes verão a estrutura e os usos das principais demonstrações financeiras e como elas estão relacionadas. Eles aprenderão a importância da normalização e ajuste dos índices financeiros e no final desta sessão.

   o Discutir a importância, diferenças e inter-relações entre as principais demonstrações financeiras (balanço patrimonial, demonstrativo de resultados e demonstrativo do fluxo de caixa);
   o Entender a importância da normalização das demonstrações e ajuste de índices financeiros;
   o Executar ajustes no balanço patrimonial da TAM para levar em conta os arrendamentos mercantis operacionais de aeronaves;
   o Aprender como vincular estas três demonstrações financeiras essenciais e como alterações em uma demonstração financeira em particular têm impactos correspondentes sobre as outras;
   o Exercício: Construção de uma demonstração de fluxo de caixa a partir de um demonstrativo de resultados e balanço patrimonial.


• Sessão 4: Importância do Fluxo de Caixa Sustentável
Os participantes aprenderão os impulsionadores do fluxo de caixa e distinguirão entre as várias definições de fluxo de caixa livre. Os alunos aprenderão a importância do capital de giro e como analisar as contas de capital de giro de uma empresa.

   o Entender as diferenças entre resultados de contabilidade de exercício e fluxo de caixa;
   o Identificar os principais impulsionadores do fluxo de caixa livre;
   o Comparar e ver as diferenças das várias definições de fluxo de caixa livre;
   o Reconhecer ajustes comuns do demonstrativo do fluxo de caixa;
   o Analisar a liquidez de uma empresa por meio da execução de uma análise do capital de giro;
   o Entender o ciclo de conversão de caixa de uma empresa por meio da Ambev.


• Sessão 5: A Importância e as Limitações da Análise de Índices
Os participantes aprenderão a utilidade da análise de índices quando comparando empresas dentro de e entre setores.

   o Entender as vantagens e desvantagens da análise de índices;
   o Executar análise de pares usando os principais índices e médias setoriais;
   o Calcular a capacidade geral de endividamento e capacidade de serviço da dívida;
   o Comparar e analisar diferenças de índices dentro de e entre setores;
   o Entender a argumentação para ajuste dos principais índices financeiros na análise de crédito.


• Sessão 6: Captação e Estruturação Corporative
Nesta sessão os participantes aprenderão sobre as várias necessidades de financiamento das corporações e os veículos disponíveis para elas. Identificar e entender os fatores que impulsionam a tomada de decisões de financiamento de uma corporação. Ao final desta sessão, os participantes do curso devem conseguir:

   o Examinar os diferentes tipos de fontes e usos de financiamentos;
   o Descrever os diferentes mercados de bancos e de capitais que estão disponíveis para financiar as necessidades corporativas;
   o Identificar e discutir os fatores que afetam o custo de financiamentos, inclusive
      - Capacidade de crédito, avenças e garantias;
      - Estrutura do capital (garantido vs. sem garantia, sênior vs. subordinado);
      - Estruturas corporativas (subordinação estrutural);
      - Emissão de títulos.

• Sessão 7: Principais Pontos sobre Avaliações
Nesta sessão, os participantes perceberão como os fundamentos de crédito impulsionam a avaliação de títulos, discutirão a utilidade dos modelos quantitativos, aprenderão a interpretar os sinais e informações do mercado e avaliarão o processo de identificação de títulos com precificação errada. No final desta sessão os participantes do curso devem conseguir:

   o Revisar as principais medidas de risco;
   o Explicar os fundamentos de precificação de títulos;
   o Entender os componentes do risco de mercado e crédito;
   o Explorar a probabilidade de modelos de inadimplemento e interpretação dos resultados;
   o Explicar probabilidades de inadimplemento e perdas esperadas em relação a diferenciais de crédito.


• Sessão 8: Precificação de Títulos e Mensuração de Riscos
Nesta sessão, os participantes distinguirão entre os mercados de ações e mercados de crédito quanto a como avaliar uma empresa. No final desta sessão os participantes do curso devem conseguir:

   o Comparar as avaliações acionárias vs. avaliações internas;
   o Explorar diferentes métodos de avaliação inclusive os métodos de Fluxo de Caixa; Descontado de DDM e FCF e técnicas de avaliação relativa, inclusive múltiplos de preço e valor do empreendimento;
   o Examinar técnicas de projeções financeiras, inclusive;
      - Análise de sensibilidade;
      - Análise de tendências.


• Sessão 9: Desenvolvimento e Defesa de uma Argumentação de Crédito
Nesta sessão final, os alunos verão como um analista junta o trabalho analítico com avaliações derivadas de precificação de títulos, juntamente com as avaliações acionárias e gerais da empresa. Após analisar cuidadosamente a TAM S.A. durante todo o exercício de caso apresentado durante o curso, os participantes deverão formular e defender uma argumentação de crédito corporativo. No final desta sessão, os participantes do curso devem conseguir:

   o Discutir como os analistas de crédito formulam uma argumentação e quais podem ser os resultados;
   o Tomar decisões de negócios e financeiras mais bem informadas pelo desenvolvimento de uma avaliação de atratividade relativa a partir de todas as sessões anteriores;
   o Analisar ambos os fatores qualitativos e quantitativos.




  


Para mais informações entre em contato com a ABBI no telefone (11) 3263-0429 – Capacitação (André ou Rosemeire).
Voltar
Política de Privacidade | Mapa do Site